Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Já tenho cebolas!

Uma nova fase da vida, um velho amor.

Já tenho cebolas!

Uma nova fase da vida, um velho amor.

Ancestrais

A estupidez do racismo em Portugal

4218fdfd62a8384c7df7b0832da73312.jpg

Tenho ascendência africana, pelo lado materno.

Não nasci com carapinha como a minha tia e primas mas gostava...

O meu cabelo é liso e chato. Herança do lado paterno.

Gosto de pensar que um familiar distante veio lá de Cabo Verde para esta pequena terra e ficou, gerou descendência e deixou a magia que faz daquele arquipélago um lugar tão único.

Numa altura em que o racismo sobe de tom, era bom recordar a essa gente que boa parte de nós é descendente dos escravos que os duros e puros portugueses foram buscar a África.

A raça mais forte disseminou-se. Ou achavam-se linhagem direta do bravo Viriato?

Pensem que até o nosso primeiro rei era filho de um cruzado da Borgonha!

França, oh lá lá!

A nossa terra sempre foi de muitos e sempre será. 

Tanto é português o cigano como o habitante da Cova da Moura.

O beto da Quinta da Marinha e o morcon do Porto.

O provinciano e o alentejano.

Pensem que Portugal é um país pequeno mas com tanta diversidade..

O verdadeiro patriotismo devia começar por aí: orgulho da mescla.

Orgulho em ter diferentes ascendências..

Orgulho da mistura.

E eu só lamento não ter carapinha....

Mas gosto tanto de mornas...

 

 

Merda

unnamed (10).jpg

Todas as vezes em que disse para não vires...

Em que fui rude contigo.

Em que fiz fitas..

Em que mostrei mais o mau feitio do que a tremenda paixão que tenho por ti...

Olho o estacionamento e sinto a tristeza crescer dentro de mim...

O choro não sai..

O grito fica preso na garganta...

Mas porque não aproveitei mais o tempo contigo?

Porque tomei a tua presença como garantida?

Merda...

 

 

O mais poderoso do mundo

images (11).jpg

O amor.

Que ninguém duvide da força do amor.

Do poder que um amor pode ter.

O amor muda vidas.

Transforma pessoas.

Faz repensar escolhas.

Faz perder o medo.

Ensina a dar valor aos momentos.

Ensina-nos o peso da saudade.

Faz parecer maiores pequenas distâncias.

Torna moroso o passar do tempo.

Torna-nos completos.

Mais também pode destruir pessoas para sempre.

 

 

Á lareira

tumblr_5a62a5d88c483bbfb164ce012392a681_9916018b_6

Cresci na aldeia e não me imagino numa casa sem lareira.

A felicidade que me dá ver o lume, mexer o borralho, dar uma ajeitada aos paus...

Priceless.

A lareira cá de casa não é funcional por isso optei por uma salamandra.

O aquecedor é prático mas ao mesmo tempo frio...

E só o cheiro da lenha a crepitar parece que torna a casa mais acolhedora, aquece a alma e o ambiente, não sei explicar..

Dia de chuva lá fora, arroz-doce a fazer ao fogão.

Em dias assim sabe muito bem estar em casa.

 

 

Fighting for hapiness

original (12).jpg

É ele a lutar contra o meu mau feitio, as minhas birras...

Nem a paixão me adociçou. Caramba...

E eu a espera que ele fuja e no entanto não riposta.

E eu a espera que me mande a merda...

E talvez lá nos recônditos da minha alma negra até queira mas...

Ele beija-me. 

Silencia-me as palavras e apazigua o coração.

Apazigua o que dói, sem saber o que é, só se importa em que não me doa mais...

Rendo-me.

Prende-me num abraço apertado, num beijo apaixonado e ficamos assim até outra coisa qualquer despolete o meu mau humor...

É uma luta inglória, já lhe disse que podia arranjar alguém melhor, merecia alguém melhor...

(Mesmo doendo por dentro, porque a última coisa que quero é perdê-lo..)

Mas ele teima em querer afugentar os meus fantasmas...

E ainda bem.

A sorrir...

unnamed (8).jpg

Alex lá fora, trabalhadores do campo em casa.

Ainda fomos ao campo mas só para constatar o que já sabíamos: não íamos conseguir trabalhar.

Voltei para casa inspirada.

Fiz a mudança sazonal do closet e arrumei mais umas coisas em que andava a matutar.

Ganhei espaço de arrumação e menos um macaquinho no sotão a remoer...

Acho que só hoje ganhei noção que efectivamente já estamos no Outono.

Apetece a lareira.

Comida de pote e o cheiro pela casa.

Tons quentes por todo o lado..

A despedida do Verão pode custar, mas também se pode fazer a sorrir ...

 

 

Bom dia e um beijo

tumblr_nyfisls60n1t34v8ao1_400.jpg

Acordo sorridente...

Adoro dormir sozinha, esticar-me, espreguiçar-me a vontade.

Sou só apenas eu, sem os rótulos, com a roupa da cama a reconfortar...

Ainda não estou totalmente recuperada mas vou ficar e essa tem sido a minha força.

Adoeci devido a dois dias de trabalho muito intenso...

Mas não é o fim do Mundo. É só um bocadinho chato...

 

Bom dia e um beijo, á distância :)

 

O equívoco

images (9).jpg

 

Há o que eu pensava ontem ao fim do dia e o que eu senti hoje ao longo do dia.

Há o que eu julgava ser frágil e afinal é muito forte.

Há o teu beijo que me acalma, o teu abraço que me envolve, a tua companhia que adoro.

Há esta vontade de te namorar, ver-te sorrir, fazer-te bem, fazer-te sentir bem...

Esticar o tempo quando estamos juntos.

Esticar o braço ao encontro da tua mão.

Assumir que já vais driblando o meu mau feitio. Até eu estou espantada...

Assumir que ter que limar algumas arestas não é o fim do Mundo.

Não vou desistir de ti por isso.

Tenho de ter mais calma, ser mais ponderada, não pensar logo no Apocalipse á primeira tempestade...

 

Deste-me mesmo a volta a cabeça.

 

 

As diferenças

tumblr_oxf2f4DWjE1vw9qr8o1_400.jpg

Começaram as dúvidas.

Já me tinha apercebido de que faltava aqui qualquer coisa, um travo de pimenta, ou como eu adoro aromas, um travo de noz-moscada...

Sempre achei que quando voltasse a ter alguém era para a vida todaaa...

Até era. Mas o tempero não me convence.

Sinto a minha intuição a gozar comigo. A sério.

"Já deixaste de gostar de ursinhos de peluche a muito tempo, querida" diz-me ela entrelinhas, quando não sinto aquelas borboletas na barriga quando o vejo, quando acho que o nosso beijo não é propriamente apaixonado, que amo o moço mas lá no fundo acho-o uma seca.

Isto é o que dá andar a idealizar durante muito tempo.

E espero que seja só isso, ou o meu cansaço depois de seis dias no campo, viagens longas, stress...

O moço é calminho e então?

Calma, muita calma.

Que eu não tenho. 

Que eu abomino, sem dúvida.

Mas por amor....

 

Vamos ver até quando.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

  • Em segredo

    27 Outubro, 2020

    Porquê... Porque é que a vida te leva para longe dos meus braços, a cada dia que amanhece? (...)

  • Cenas de gaja

    24 Julho, 2020

    Reclamamos quando estamos sozinhas mas quando aparece algum pretendente pomos mil e um (...)

  • Tu.

    14 Julho, 2020

    Deixas-me sem jeito. Tropeço nas palavras, nos meus próprios pés, na minha timidez. O (...)

  • E tu, e esse teu charme...

    15 Maio, 2020

    A facilidade com que me entrego a ti é irrisória. Não precisas de me tocar para te querer, (...)

  • Para o jeitoso do fim de semana passado, mais um q...

    12 Maio, 2020

    Passei boa parte da noite assim, a ver-te dormir, estudando-te os traços da fisionomia por (...)

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub