Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Já tenho cebolas!

Uma nova fase da vida, um velho amor.

Já tenho cebolas!

Uma nova fase da vida, um velho amor.

Apoiar-te

pier angeli james dean.jpg

Vou estar na tua retaguarda.

Vou dar-te a força que precisares de ter e dizer-te o que vais precisar de ouvir. E nem sempre serão coisas bonitas.

Vais ter o meu abraço ao fim do dia e o aconchego do meu colo quando nos apetecer.

Coragem e ousadia não te vão faltar. 

Bravura tu já tens de sobra e admiro-te por isso.

Ternura tu já me dás e por isso te amo tanto assim.

Por isso daremos passos em frente sem olhar para trás. Não te vou deixar resvalar.

Sem medo.

Em troca só te peço que já sabes: sem segredos, sem reservas, sem merdas.

Dá-me a mão e confia em mim. 

Avança sem medo que eu cubro a retaguarda.

Eu estou na retaguarda.

Para o que der e vier.

Assumir-te

756fdc07a28dd5de1a85a6005323af31.jpg

Eu era a imagem do embaraço, quando aquele senhor parou a pedir indicações, quando sorriu para nós daquele jeito maroto...

Quando me puseste no murete para estar a tua altura. Quando me levantaste e voltaste a pôr no dito murete mesmo ainda estando ali três carros a inverter a marcha e beijaste de forma ainda mais meiga do que o costume.

Quando passeámos pela beira-rio e cruzarmo-nos com tanta gente minha conhecida. Não contava assumir-te já mas...

Aconteceu.

Não tenho vergonha de assumir que estou contigo, até porque a paz que me dás é única, até porque quando não te vejo falta algo, até porque o que sinto é real...inesperadamente real.

Eu, a tipa do Tinder.

Eu, a tipa da masturbação á distância, dos amores impossíveis.

Eu, que achava que gostar de alguém envolvia complicações.

Eu, no primeiro dia em que nos vimos, assumo que te achei um arrogante.

Nós, a mandar as urtigas ideias pré-concebidas e tudo mais.

Assumir-te, sem medos.

 

 

 

O tempo parou.

cbcea4feffdfe2d904d63d229c6ab17e.jpg

E eu vi-te ali parado no meio de tanta gente a olhar para mim.

No outro lado da estrada, estaquei o passo para te olhar, para parar o tempo, para não sair mais dali.

Para ficar o resto da minha vida a olhar para ti.

Para poder perdurar mais uns instantes aquilo que me soube tão bem, tu a olhar-me assim..

Com a ternura que me afagou o dia todo, junto com a revolta por não poder estar junto de ti.

Mas estive.

Fui no teu pensamento, presente como saudade, estranheza pela ausência..

Fui contigo na timidez que me acompanha sempre e não vês em mais lado algum.

Fui contigo porque normalmente estou contigo e hoje não estive. Fisicamente.

E custou não estar, principalmente depois daquele olhar, depois do tempo ter parado e nada ter mudado.

Custou ir na rota indicada e não na desejada.

Custou...

Custa não ter a tua companhia quando gosto tanto dela. Ter distância de quem quero ter bem perto. 

Estar longe de ti...

E depois daquele olhar...

Sei que gostas de mim.

 

Porque te quero.

68747470733a2f2f73332e616d617a6f6e6177732e636f6d2f

Chamo por ti baixinho, na penumbra da noite, a ver se o vento te traz até mim..

Onde estás?

Procuro o teu cheiro nas roupas que já amarrotaste, as tuas mãos algures nas minhas curvas, as marcas do teu corpo na minha cama...

Não sei onde te perdeste mas sei que já não te sinto tão perto.

Não sei se ainda me queres mas sei o quanto anseio por ti.

Sei o quanto te quero ter aqui.

A suar em bica, alheado do mundo e perdido nas minhas curvas, a gemer-me ao ouvido, a levar-me ao delírio, a irmos...

A voltar e a repetir a viagem as vezes que nos apetecer, até ao amanhecer, depois a vida leva-te para longe e eu continuo a sentir-te perto..

Sinto que estás perto, mas não colado a mim.

Anda cá..

 

 

A esperança

5b1300dfd5cfb8623b3ced68c5981c7e.jpg

Quero-te encontrar por aí.

Numa ruela apertada, num banco de jardim, na mesa dum café como se estivesses ali desde sempre a minha espera.

Num sorriso subitamente familiar, numa expressão reconhecida pelo meio de uma conversa alheia..

Num sinal teu que o Universo lá se resolveu a dar...

Não quero pensar como me vou sentir, porque sei que a euforia vai ser dominante. Nem o que vestir, nem o que sentir..

Nem quero pensar nisso.

Quero e mantenho a magia e a esperança de te encontrar quando tudo conspirar para tal acontecer.

Temos tanto para viver, não há pressa.... ;)

Love you, by the way

Paraíso, 29 de Julho de 2020

original (10).jpg

Meu querido,

voltei ao campo, tal e qual como te tinha dito, e não cabe nesta carta toda a alegria que sinto por tal regresso.

Voltei a casa, a essa aldeia adorada que tenho como minha e onde me sinto pertença. Parece que nunca cheguei a sair de lá.

Tão bom.

O cheiro do mato rasteiro logo pela manhã, ver a alvorada por entre as arvores, concentrar-me no trabalho e perder a noção de tempo...

A única coisa da qual não senti falta nenhuma foi de levantar de madrugada, já tinha esquecido e custou.

Mas pronto, respirei ar puro, voltei ao trabalho e logo num lugar tão importante para mim. Só coisas boas.

De ti, espero que esteja tudo bem porque está sempre.

Saudades algumas, do teu mau feitio nenhumas.

Beijo.

 

A ternura

fd8f29921e6b57bd3047ffb2ff3d0673.jpg

 Domingo pelo meio da manhã.

Sentei-me no vão de escada, à espera, com o ouvido à escuta, o coração a mil. Tive tanto medo naquele momento.

É humano estar sempre à espera do pior , em sobressalto.

Quando por fim, saiu, respirei de alívio. Dei por mim com um sorriso tamanho, o coração em euforia, mesmo não tendo as skills de cabeleireira que tanto jeito tinham dado ali.  Nunca a frase "corações ao alto  "  me fez tanto sentido. 

Fui assaltada por um amor maior, ternura permanente que me faz apegar a pessoas quando menos espero. 

Tem sabido bem ter companhia, para variar.

Bom dia.

049b5a5dd63310d246ead1fcf33af268--lazy-morning-laz

O instinto estava certo.

Acordei de manhã arrependida, com um perfume ao lado de que não gosto, ao lado de alguém que não me desperta nada.

Olhei para ele a dormir e acho que esperei a noite toda que o despertador tocasse e fosse finalmente embora.

Não me deu tesão, ligeiramente molhada mas é suposto um homem povocar bem mais que isso.

Não houve carinho, para ti fui as mamas que apalpaste feito tosco, o rabo que acariciaste com as unhas.

E agora que foste embora só me consigo sentir aliviada...

Até podia ser condescendente e pensar no cansaço, mas nem isso. Mais valia teres ficado no bordel, as damas da noite importam-se mais com o que pagas  do que a perfomance em si.

E até elas iam reclamar da tua falta de jeito.

Foi uma muito má noite, longe da ternura do meu jeitoso de quinze dias atrás.

Um homem para ser bem sucedido no sexo tem que gostar genuinamente do corpo feminino. 

É como tocar guitarra, quanto melhor tocares, melhor a melodia.

Fraco.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

  • Diva, sempre. Até cansada.

    02 Setembro, 2020

    Porra. É mesmo assim. Sinto-me divinal com as calças manchadas com o respingo das uvas. (...)

  • A vitória

    26 Agosto, 2020

    Dois anos desde que começou a aventura da carta. 8 meses desde o exame de código. 45 aulas (...)

  • A realidade

    20 Agosto, 2020

    Meia-noite. Eu e a cama, e o desejo de ti.. E a vergonha de o sentir, o corpo a pedir.. Devo? (...)

  • A sexshop

    10 Agosto, 2020

    Indiferente a quem eventualmente me pudesse ver, entrei. Olhar para aquelas prateleiras (...)

  • E viva o azeite...!

    08 Agosto, 2020

    Mais vale ser honesto... 1"_Ola sou casado estou carente procuro mulher na mesma situacao (...)

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D